Morar em condomínios fechados: vale a pena?

Morar em condomínios fechados: vale a pena?

Com as pessoas cada vez mais em busca da melhora da qualidade de vida, é comum que a procura por uma imobiliária com imóveis em condomínios fechados cresça. Isso porque, além de segurança, eles proporcionam área de lazer completa, facilitando e muito o dia a dia dos moradores, independente da idade. 

No entanto, sabemos que a escolha do imóvel ideal é de extrema importância, sendo muito comum surgirem as mais diversas dúvidas. Uma delas é se realmente vale a pena morar em condomínios fechados e por isso, no post de hoje vamos falar tudo o que você precisa saber! 

O que levar em consideração?

Caso você não saiba, esse modelo de moradia possui diferentes características quando comparado aos tipos convencionais, sendo necessário investir seu tempo em busca de informações do condomínio que deseja morar, além de conversar com pessoas que já adotaram esse novo estilo e trocar experiências. Sendo assim, a escolha de morar ou não em um condomínio fechado deve estar alinhada às suas expectativas em relação a uma moradia. 

Quais os benefícios de morar em condomínios fechados?

Privacidade

Esse é um dos pontos mais importantes e que devem ser considerados, principalmente se você tem um estilo de vida mais reservado e gosta de privacidade. Afinal, ao escolher morar em condomínio, não será incomodado com uma visita inesperada ou com vendedores ambulantes. Isso porque, esse modelo de moradia possui portaria e a pessoa precisa anunciar sua entrada no local e ser autorizada. Com isso, você pode declinar uma visita sem que a pessoa saiba e assim garantir maior tranquilidade. 

Estrutura completa de lazer

Os condomínios fechados se desenvolvem a todo momento e a estrutura de lazer está cada vez mais completa. Além da piscina tradicional, eles ainda oferecem saunas, quadras poliesportivas, academias, brinquedotecas, espaço para coworking, salão de festas, jogos, cinemas, área gourmet, etc. O melhor de tudo isso é que os espaços são acessíveis aos mais variados públicos e todos podem aproveitar. Por mais que você possa achar estranho dividir os espaços comuns com outras pessoas, vale destacar que existem diversas regras para melhorar e facilitar ao máximo o convívio dos moradores. 

Segurança

Sabemos que a segurança é prioridade para grande parte das pessoas no momento de escolher sua moradia, sendo que os condomínios fechados são uma ótima alternativa. Em grande parte, eles contam com um sistema de segurança completo, com câmeras, biometria, portaria 24 horas, rondas diurnas e noturnas, muros altos com cerca elétrica, identificação de visitantes, acionamento de luzes automático, etc. Inclusive, ao contrário de casas comuns, se você deseja fazer uma viagem mais longa, não irá precisar se preocupar. Afinal, além de toda a segurança, ainda pode contar com a ajuda de vizinhos para alimentar seus animais de estimação, por exemplo. 

Vida em comunidade

Complementando o tópico anterior, os condomínios fechados promovem um ambiente propício para o desenvolvimento de um círculo social, fortalecendo o sentimento de comunidade. Isso porque, além de os espaços comuns, muitos condomínios possuem cronogramas de eventos, como festas em família, carnaval, festa junina, palestras, etc. Para quem tem filhos, criar laços de amizades com os moradores do condomínio pode facilitar o convívio em sociedade, além de sem uma alternativa mais segura. 

Maior praticidade

Uma questão que deve ser considerada é a praticidade oferecida pelos condomínios. Com uma rotina cada vez mais corrida, as pessoas acabam deixando de lado atividades importantes, como a prática de esportes, convívio social, lazer, etc. No entanto, ao morar em condomínio, você não precisa enfrentar trânsito para se divertir e cuidar de sua saúde. Como consequência, o dia a dia se torna mais prático e leve.

Economia

Por fim, mas não menos importante, os condomínios fechados ainda promovem economia ao bolso dos moradores. Isso porque, ainda que seja necessário desembolsar um valor mensal para pagar a taxa condominial, esse valor é revertido em seu bem-estar. Por exemplo, você não irá precisar pagar clubes, academias, serviços de jardinagem, sistemas de segurança, manutenção ou limpeza. Tudo isso o condomínio já oferece dentro do valor estipulado por mês, sendo que ele é dividido entre os moradores. Por esse motivo, o valor total fica mais em conta do que pagar tudo por conta própria em uma casa comum. 

Então, se você chegou até aqui, provavelmente já deve ter percebido que morar em condomínio fechado vale a pena. No entanto, é importante que você leve em consideração seu estilo de vida, localização do condomínio e suas expectativas de moradia. Isso porque, é necessário seguir algumas regras a fim de garantir melhor convivência com todos, sendo que esse fato não é ruim. Afinal, em casas comuns, por exemplo, não é possível instaurar regras para os vizinhos, sendo necessário em alguns casos chamar a polícia e em outros simplesmente aceitar a situação. Portanto, coloque na balança tudo o que é importante para seu conforto e bem-estar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s